Dicas Úteis

Como uma hipótese difere de uma lei ou teoria: conceitos e diferença

Pin
Send
Share
Send
Send


Teoria contra a lei

Teoria e lei estão interligadas. É um equívoco comum que essas duas opções possam ser usadas alternativamente. Agora vamos dar uma olhada em cada um deles.

a leiSegundo a ciência, a lei é uma afirmação generalizada estabelecida após uma série de observações. A lei não tem explicações ou exceções se for elaborada. Este é um fato óbvio, registrado após as observações. Um bom exemplo disso pode ser a gravidade. Observa-se que a maçã cai na superfície da Terra. Este é um fato indiscutível. Não há exceções para esta observação. Ninguém jamais observou o fenômeno oposto ou alternativo. Portanto, é considerado lei. Há outro equívoco sobre o nível hierárquico da lei. Um grupo de cientistas acredita que existe uma hierarquia de hipóteses, teoria e lei, mas esta é apenas uma afirmação errônea. Leis são declarações óbvias e simples.

a teoriaUma teoria é uma explicação dos dados observacionais apresentados na forma de uma lei. Em palavras simples, a teoria é um argumento em favor da lei. Também pode ser colocado como uma hipótese estendida ou desenvolvida. Uma “hipótese” é a causa provável de qualquer observação. A hipótese deve passar por vários testes. Se uma hipótese se sustenta bem em diferentes condições, ela pode ser aceita como uma teoria.

Dado o exemplo anterior da lei da gravidade, em 1687, Sir Isaac Newton apresentou a lei do quadrado inverso em seu diário. Esta foi até então uma hipótese. Esta lei foi testada por vários cientistas no estudo do movimento planetário. A hipótese se manteve bem com alguns planetas, mas houve exceções. Nesse estágio, a hipótese de Newton foi aceita como a teoria da "teoria gravitacional". Esta teoria foi posteriormente substituída pela teoria da relatividade de Einstein.

Uma teoria pode ser forte se tiver muitas evidências de seu apoio. Também pode ser considerada uma teoria fraca se o nível de precisão em sua previsão for baixo. Uma teoria pode se tornar obsoleta ao longo do tempo e substituí-la por uma melhor. No entanto, a lei é um fato universalmente reconhecido. Isso está além de qualquer dúvida e nunca desaparece com o passar do tempo.

1. A lei é uma observação, a teoria explica essa observação. 2. Teoria requer experimentação em várias condições. A lei não tem esses requisitos. 3. A teoria pode se tornar obsoleta com o tempo. Isso não se aplica à lei. 4. A teoria pode ser substituída por outra teoria melhor, mas isso nunca acontece com a lei. 5. A teoria pode ser forte ou fraca dependendo da quantidade de evidências disponíveis. A lei é um fato universalmente reconhecido.

O que é uma hipótese?

Entender o que é uma hipótese e como uma hipótese difere de uma lei ou teoria ajudará na definição desse termo. Uma hipótese é a opinião ou suposição de um ou mais cientistas em que eles tentam transmitir sua crença sobre o efeito do fenômeno. Tal suposição não é factual e requer prova. Portanto, os cientistas conduzem vários experimentos, experimentos e, de todas as formas, investigam o fenômeno. Há sempre disputas em torno de hipóteses, e alguns cientistas as apóiam, enquanto outras, pelo contrário, se opõem.

A hipótese ainda é percebida como conhecimento científico em todo o mundo, embora se saiba que ela não está totalmente comprovada. Então, para um fenômeno, várias hipóteses podem ser apresentadas pelos cientistas. Tomemos, por exemplo, o fato da origem do planeta Terra ou do universo inteiro. Existem muitas hipóteses e hipóteses sobre este ponto, mas nenhuma delas foi provada ainda. A primeira diferença entre uma hipótese e uma lei ou teoria é que a ciência como um todo não pode existir sem ela, porque, graças a ela, há um movimento no desenvolvimento do ambiente científico. Isso gera novos conhecimentos.

Definição de lei

A lei é uma hipótese ou suposição, que é confirmada por fatos em termos matemáticos ou verbais. Descreve a relação de certos fenômenos. A lei é o objetivo do conhecimento científico. É universal e as sentenças são verdadeiras. Ou seja, a lei existente deve atuar nesse campo da ciência em todos os casos da mesma maneira.

Existe um conceito idêntico à lei - o teorema. Ambos os cientistas do conhecimento passaram todos os testes e foram comprovados, por isso não faz sentido testá-los. Isso é o que é reconhecido pelo mundo científico e é válido para todos, sem dúvida. A lei e o teorema estão relacionados aos fundamentos da ciência, com base nos quais estudos de outros fenômenos inexplorados são realizados. O segundo sinal, como a hipótese difere da lei ou teoria, é que o primeiro age como um certo pensamento, ponto de vista ou ideia. Mas a lei é, no entanto, confirmada pelos fatos - esse é um conceito exato.

Teoria e seu significado

Em uma conversa, é geralmente aceito que uma teoria é apenas palavras que não são confirmadas por nada. De fato, uma teoria na ciência inclui pesquisa prática e laboratorial que confirma sua descrição. A pesquisa pode ser realizada mais de uma vez por diferentes cientistas, mas as regras e axiomas serão confirmados. Não pode contradizer e o conhecimento é verdadeiro. É usado pelos cientistas para vários estudos de fenômenos.

A teoria inclui princípios, idéias e idéias. Explica as relações e propriedades confirmadas por lei em um campo científico particular, sobre o qual se baseia a explicação da teoria em si.

Lei e teoria não diferem muito uma da outra. Em termos simples, a lei é o conceito de um caso exato específico. Uma teoria pode abranger várias direções em um campo da ciência de uma só vez.

Diferenças entre conceitos

Agora que as definições são dadas a todos os três conceitos, podemos resumir e responder à questão de como a hipótese difere da lei ou teoria brevemente. Uma suposição pode se traduzir em lei ou teoria se fatos e evidências forem fornecidos. A pesquisa começa com a suposição do cientista, e depois de um tempo (às vezes séculos passam para encontrar a verdade), ela se transforma em um dos dois conceitos. Mas, pelo contrário, o processo não pode começar. Lei ou teoria nunca se tornará uma hipótese. Este será o terceiro sinal e resposta para a questão de como a hipótese difere da lei ou teoria.

Pin
Send
Share
Send
Send